Toolbox

20 dez 2017

7 tendências em Trade e Shopper Marketing para 2018

voltar para notícias

Os especialistas do Grupo Toolbox, depois de um ano inspirador, se reuniram para identificar 7 tendências em Trade e Shopper Marketing que deverão direcionar as boas práticas de empresas e líderes em 2018.

 

Não é preciso bola de cristal para prever tendências, basta conhecer o mercado, a cultura de empresas e sinais emergentes para detectar caminhos para o futuro. Veja então, quais são as 7 tendências que irão influenciar o cenário de Trade e Shopper Marketing:

 

 

1.      Aproximar Trade do Marketing Digital

 

A vantagem competitiva das empresas vai existir na intersecção entre os departamentos tradicionais, a inovação acontece nessa zona “cinzenta” entre eles. Áreas híbridas como o trade marketing, o gerenciamento de categorias online ou o digital shopper marketing serão implementadas em muitas organizações para capturar oportunidades que as estruturas atuais hierárquicas não conseguem endereçar.

 

 

2.     Gastar menos e ser eficiente: Merchandising e Material de Ponto de Venda

 

A crise nos ensinou a ser mais eficientes nos anos de 2016 e 2017. Em 2018, a tolerância será zero para a ineficiência em merchandising. Uma melhor gestão de Field Marketing com uma melhor alocação de recursos em materiais de ponto de venda e mensagem certa para cada touch points serão as ferramentas para garantir o ROI em execução de PDV.

 

 

3.     Renovar Shopper Insights

 

Pesquisa não é sinônimo de insight, muitas pesquisas só corroboram com o que nós já sabemos, outras, estabelecem o óbvio. A gestão moderna do shopper marketing busca insights onde quer que eles estejam, para isso, utilizam metodologias inovadores e desafiadoras, a partir da geração de diálogos criativos entre os stake holders envolvidos na cadeia de valor das empresas.

 

 

4.      Construir de dentro pra fora

 

Por pressão de tempo ou falta de recursos humanos, muitas marcas tem recorrido a terceirização de parte da sua estratégia para parceiros competentes, mas 2018 é um ano favorável para retomar o investimento no desenvolvimento das equipes internas. Será a hora de investir em parceiros que sejam bons moderadores das discussões internas ao invés de bons fornecedores com respostas prontas. Seu time é capaz de trazer as respostas que você precisa, é hora de libertar a capacidade criativa e estratégica dos membros da sua equipe, trazendo parceiros que saibam fazer as perguntas certas e provocativas, mais do que trazer respostas prontas. Tire sua equipe do piloto automático e dê inspiração a eles. Workshops de inovação trarão resultados surpreendentes.

 

 

5.     Adotar uma visão Customer Centric – tudo que a empresa faz, ela analisa os impactos na experiência do cliente 

 

Uma visão centrada no cliente será a única garantia de sucesso de longo prazo em um ambiente complexo e mutável como o que nós vivemos hoje. Pensar primeiro no cliente e desenhar o marketing mix a partir da visão dele será a receita de crescimento das empresas modernas. É evidente que isso envolve mudança cultural, e em 2018, muitas empresas que não conseguiram se adaptar a essa nova abordagem de marketing simplesmente se tornarão obsoletas.

 

 

6.    Aprender a trabalhar com fornecedores estratégicos, não apenas operacionais

 

2018 não terá mais espaço para parceiros que pouco agregam. Algumas áreas e projetos demandam, mais do que mão-de-obra operacional, de um novo olhar sob o negócio. Contratar fornecedores estratégicos que tragam novos pontos de vista, ajudará o time interno a ser disrruptivo e desenhar uma nova visão do todo,  expandindo ideias e possibilidades.

 

 

7.     Construir Briefing

 

Como qualquer ação de marketing, 50% do sucesso está na clareza do briefing. Durante 2016 e 2017, a crise econômica mostrou como os briefings mal redigidos custam caro para as organizações. Em 2018, muitas empresas investirão em pessoas capacitadas a fazer briefings assertivos. A clareza de ideias, critérios de sucesso para ações de marketing e objetivos mensuráveis vão dar o tom desses novos briefings, que não permitem ações sem foco claro.

 

A Toolbox deseja sucesso em 2018 para você e sua empresa. Garanta que sua marca sairá na frente e implantará serviços e processos inovadores no mercado.

 

Se identificou com algum dos casos acima? Nós podemos compartilhar com você nosso conhecimento sobre cada um desses temas! Entre em contato conosco:

 

contato@toolboxtm.com.br

 

 

PARTICIPE, COMENTE ENTRE NA DISCUSSÃO

Os comentários estão desativados.